Entenda o que é BPM, BPMN e BPMS e quais são suas diferenças

Você sabe o que significa as siglas BPM, BPMN e BPMS? Esse artigo vai apresentar e exemplificar cada uma dessas ferramentas e suas aplicações.

Entenda o que é BPM, BPMN e BPMS e quais são suas diferenças

Se você atua com gestão de negócios e gestão de processos, é provável que esteja familiarizado ou já tenha visto as siglas BPM, BPMN e BPMS. Aqui no blog da wepipe, já abordamos algumas vezes assuntos relacionados ao gerenciamento de processos e também já comentamos sobre BPM, mas, além do BPM, as siglas BPMS e BPMN também são amplamente utilizadas, você sabe do que se trata cada uma delas?

É muito comum que os profissionais que atuam com gestão confundam conceitos básicos e as aplicações de BPM, BPMN e BPMS, uma vez que essas siglas são bastante semelhantes. Entretanto, na prática, elas possuem significados e funções distintas. Neste artigo, vamos detalhar cada uma delas e apresentar como essas ferramentas podem impulsionar positivamente os resultados da sua empresa.

Business Process Management (BPM)

O Business Process Management (BPM), ou Gerenciamento de Processos de Negócio, em português, apresenta-se como uma importante ferramenta para empresas que visam escalar seus negócios. Ao unir a gestão empresarial com a tecnologia, o gerenciamento torna-se flexível, simples, assertivo e rápido.

O BPM é uma ferramenta que visa otimizar os processos internos de uma empresa adotando uma rotina de monitoramento, mapeamento e controle. Sua implementação inicia com o entendimento dos processos existentes por meio de uma análise minuciosa de cada etapa, seguido da padronização dos processos e adoção de boas práticas e, por fim, as melhorias e correções são amplamente implementadas.

Por fazer uso de uma série de boas práticas, a principal vantagem da implementação do BPM é a melhoria constante dos processos, o aumento da produtividade dos colaboradores e o consequente ganho de competitividade empresarial.

Business Process Modeling Notation (BPMN)

O Business Process Modeling Notation ou, em português, Notação de Modelagem de Processos de Negócios, trata-se de um conjunto de símbolos utilizados nos desenhos de processos, com o objetivo de padronizar e facilitar o entendimento do processo como um todo e das atividades que o compõem. Em outras palavras, é um padrão oficial amplamente utilizado para mapear processos por meio de uma notação gráfica baseada em fluxogramas.

A modelagem de processos permite realizar uma análise particular e completa do processo, criando um modelo de seu funcionamento com foco em atingir determinado objetivo que pode ser a automatização ou o acompanhamento de longo prazo.

Business Process Management Suites (BPMS)

O Business Process Management Suites/System ou, em português, Suítes/Sistemas de Gestão de Processos de Negócio, refere-se ao suporte tecnológico para automatizações da gestão dos processos. Trata-se de um conjunto de ferramentas de software que automatizam todo o fluxo de informações e ações identificadas no processo. De forma geral, o BPMS determina fluxos para que os processos sigam da melhor forma possível e cada colaborador saiba o seu papel em cada atividade.

Essas ferramentas atuam de forma direta no monitoramento e no controle das atividades que são executadas durante o andamento dos processos de uma organização. Como resultados são fornecidos indicadores de desempenho para que melhorias contínuas sejam adotadas.

Com o BPMS é possível interligar as áreas e os departamentos da organização, automatizar atividades de rotina que não agregam valor ao produto e que são responsáveis por desviar esforço humano dos colaboradores. No mais, contar com um fluxo de informações rápido e preciso auxilia os gestores na tomada de decisão.

Um exemplo de plataforma de BPMS é a wepipe, um sistema em nuvem que possibilita a padronização e a automação de processos empresariais por meio de uma interface de gestão visual baseada no método japonês Kanban. A solução da wepipe é capaz de tornar equipes até 10 vezes mais produtivas por oferecer um sistema fácil para customizar processos e automatizar tarefas repetitivas sem demandar de um time de tecnologia.